terça-feira, 29 de janeiro de 2013

A mais importante resolução para este ano

 Jà hà muito que o tento fazer,jà hà muito que penso nisto como a melhor forma de educação!Mas depois hà sempre aqueles dias em que não tenho paciencia,em que ele està mais chatico e olhem,è o descalabro total!
Mas o que quero mesmo è deixar de usar a "gritaria" como forma de educação!Sim,eu sou um poço de nervos,sou um vulcão sempre prestes a entrar em erupção!
E com o piolho hà dias,ou melhor minutos,em que vou aos arames e não me controlo!
Acontece essencialmente,aliàs acho que unicamente,quando lhe estou  a dar a sopa e ele lembra-se de fazer patetices,como esfregar os olhos,virar a cabeça incessamente de um lado para o outro,bater no prato,ou tentar tirà-lo da frente..Por norma ele è uma criança que come lindamente a sopa,mas desde hà uns dias,tem sido mais complicado e eu tenho gritado com ele,e o papà chama-me  atenção,com toda a razão!
E esta a minha maior resolução para este ano qe vem!Parar de gritar e de perder as estribeiras com o meu piolho,porque isto não è educação,e ele tem tendência a gritar comigo logo de seguida!
Sinceramente espero mesmo conseguir,não vai ser fàcil,dado o meu temperamento de doida,mas vou fazer tudo para conseguir parar com isto!Respirar fundo e contra atè 5 e falar para ele calmamente!
Vou precisar de força!!:))

4 comentários:

sandra disse...

Eu sou como tu passo-me rápidamente mas isso não ajuda em nada muitas vezes o meu marido diz mais vale uma sapatada mas eu não consigo então desato com aquela gritaria histerica que nem me reconheço e depois eles podem fazer igual temos de treinar isso eu sei que não é fácil as vezes é um montante de situações acumuladas,bjinhos

Susana disse...

Não és só tu que perde a paciência nessas alturas eu tenho dias assim, acho que é um mal de quem tem bebés que até não se portam muito mal, o G ao pé de alguns bebés é um santo e basta ele mudar o comportamento normal seja porque for que a minha paciência fica por um fio. Habituam-nos mal e depois dá nisto, mas eu também esforço-me para ser mais racional nessas alturas. Somos humanas, não esquecer, mas também temos que aprender com os nossos erros. Beijinhos ;o)

Marta Pinto disse...

Entendo-te procura falar com ele, eles entendem tudo o que dizemos.
Com o Rafael converso com ele e digo:
"Filho tens 2 opcoes, ou obedeces a mama ou tenho de te dar uma palmada e depois choras porque te vai doer" Isto de tom firme e mt serio.
Ele ja respeita as vezes tenta sempre ver ate onde pode ir mas acaba por ceder, quando nao cede apanha.
Nao com muita forca, mas de forma a entender que so se projudica!
Tem calma

Moi et mon bebe disse...

Os miúdos tem fases com menos apetite tal como nós...ele pode estar nessa fase, não sei...o Bidote andava assim e no outro dia até me atirou com o prato da sopa ao chão...nem imaginas como fiquei, só lhe disse que se fosse mais velho levava duas naquele rabo que nem sabia onde se meter, quase que chorei com os nervos para não lhe gritar...na realidade o meu rapaz o que me queria dizer é que era sozinho que queria comer...dei-lhe a colher, come umas 10 colheradas sozinho e depois cansa-se e acabo de lhe dar a sopa...mas o teu filhote ja deve comer sozinho

Daisypath Anniversary tickers

Daisypath Anniversary tickers